AMAMENTAÇÃO DE 3 EM 3 HORAS


Nessa seção "mamãesofia" - um trocadilho para conhecimento de mãe e ao mesmo tempo do meu próprio conhecimento como mãe de uma princesinha chamada Sofia - vamos conversar sobre diversos assuntos ligados à maternidade ou paternidade, porque é simplesmente maravilhoso falar disso.

Pra estreiar essa seção, tenho aqui um quesito super delicado para os recém-nascidos, cuidado que tive com minha filha com bastante amor e paciência, colocando despertador durante a madrugada e tendo meu marido para me auxiliar no horário.

Eis que vez ou outra, costumo ouvir de um pai ou de uma mãe frases entusiasmadas como "meu filho é maravilhoso, muito quetinho, dorme a noite inteira". Até aí tudo bem, não fosse o fato de, normalmente, estarem falando de recém-nascidos.

Desde que nossa filha nasceu, eu e meu marido a levamos regularmente ao pediatra e sempre fomos muito quesionadores. Sempre estamos preparados para qualquer imprevisto como febre, resfriado, etc, pra não desesperarmos e podermos agir adequadamente. Já na primeira consulta, quando nossa filha tinha apenas 5 dias, fomos bem orientados pelo médico sobre a importância da amamentação de 3 em 3 horas até os 4 meses de vida. O pediatra foi bastante claro quanto aos malefícios de se deixar o bebê com menos de 4 meses (que ainda não tem reservas de gordura no corpo) dormir a noite toda. A criança pode ter hipoglicemia e, por consequência, ter vários neurônios 'queimados', 'extintos'. Por isso, escrevo esse post como um alerta aos pais que não ouviram do pediatra essa importante orientação. Nem sempre os médicos se lembram de nos passar todas as informações e, por isso, temos que aguçar nossa curiosidade e questiná-los sobre tudo, pra não ficarmos com dúvidas. Se você é mamãe de primeira viagem ou ainda não sabia sobre isso, questione seu médico a respeito.


Amamentei minha filha, Sofia, até quase seus 10 meses e, para mim, amamentar foi um prazer enorme. Também soube interromper no momento em que meu instinto de mãe me disse que já era a hora certa tanto pra mim quanto pra minha pequena. Durante os 4 primeiros meses de Sofia, ela apenas mamou no peito, portanto, meu marido me ajudava buscando-a no bercinho de madrugada para que eu a amamentasse, sem estrapolar as 4 horas aceitáveis de jejum. Acho tão bonito ser pai e ser mãe que acredito que tudo é prazer, apesar de o corpo, às vezes, reclamar um pouquinho.

Mas, falem a verdade... ser mãe e ser pai não é maravilhoso?

You May Also Like

4 comentários

  1. não sei ao certo como escrever, então foi assim, quando minha filha nasceu de uma gestação normal,parto cesaria, ela era muito pequena, e na primeira consulta com o pediatra, ele falou para amamentá-la de três em três horas, e eu assim fiz. e minha filha aumentava somente um quilo por mês,e muitos falavam que ela deveria ter alguma doença, mas ela era muito forte e inteligente, apesar de magrinha. uma certa vez ela teve um problema de saúde, nada grave,levei ela ao posto, e ai as enfermeiras acharam horrível eu amamentá-la de a cada três horas, fui muito criticada. também quando contei o que tinha acontecido para família e amigos, fui muito criticada, mas eu fiz o que o médico me indicou.hoje estou feliz pois vi que o método não foi totalmente errado.minha filha hoje tem três anos e onze meses, é magrinha, mas tem muita saúde e é muito inteligente. e lendo esta matéria, saiu um peso da minha consciência.

    ResponderExcluir
  2. Nossa! Que depoimento bonito! Que bom que minha postagem ajudou a que sumisse de vez com esse peso na consciência sem explicação. Tem pessoas que falam demais e não veem o mal que causam, não é? Nós mães já sofremos com culpa sem razão de ser por nossas próprias análises, imagine pelas dos outros, rs!

    Beijos e tudo de lindo pra vocês e sua filha,
    Talita.

    ResponderExcluir
  3. Talita muito obrigada por este blog maravilhoso.
    Sou recém casada, futura mamãe e você me auxilia demais no dia-a-dia.
    Todos os dias dou uma passada, desculpa por nem sempre comentar, mas esse post me fez perceber o quanto a leitura do seu blog é importante, apesar de tão jovem, você é tão experiente.
    Muito obrigada por compartilhar conosco.
    Um grande beijo e tudo de bom pra você e sua linda família!

    ResponderExcluir
  4. @Flá Almeida
    Oi, Flá,
    Obrigada pelo recadinho lindo. E que bom que gosta do blog, é muito importante pra mim saber disso.

    Beijos,
    Talita.

    ResponderExcluir

"As redes de pescar palavras são feitas de palavras." Otávio Paz.