mais amor por favor - grafite de Ygor Marotta

7.10.09 Talita Cavalcante 13 Comentários


foto daqui

Parece que o grafiteiro Ygor Marotta está famoso e tem uma legião de apoiadores à seu protesto, chamado de pacífico.

Sua frase 'mais amor por favor' e seu coração de olhos fechados e sorriso que viraram sua marca podem ser vistos pichados por várias partes da cidade de São Paulo (você já viu?).

Com seu spray sempre em mãos, ele sai pelas ruas atrás de muros ou telefones públicos que ganham a frase e o desenho e, por vezes, apenas o desenho em postes de luz. Depois de pichar, sai correndo pra não ganhar sermão ou ser obrigado a apagar sua 'arte'.

Certamente que achei linda a ideia do que prega a frase e a arte também não é pouca coisa não. É encantadora. Mas, sinceramente, sair por aí a pichar propriedades públicas não é nada admirável, mesmo que seja algo bonito assim. O rapaz faz arte em muros particulares quando é convidado e acho que devia manifestar seu 'talento' e seu protesto pacífico de formas mais pacíficas, sendo convidado primeiro. Pra mim, pichar onde não foi convidado é sujar, é querer bater de frente com o poder público, é causar prejuizos, é tudo menos querer ser 'pacífico'. Deculpe-me senhores grafiteiros de locais que não são de sua propriedade, mas penso que há diversas outras formas de manifestação de sua arte. E já que gostam tanto de um espaço público para pichar, que tal um protesto para que as cidades disponibilizem muros em espaço específico para isso? Esse sim seria um protesto pacífico, desde que feito de forma pacífica.

O grafiteiro em questão já foi até convidado para grafitar sua arte em um desfile da coleção Take Your Time da Lei Básica que apoiava-se no lema "mais amor por favor" - justamente a frase do grafiteiro (será mesmo dele?) - parece que em agosto deste ano. Equanto os modelos desfilavam, o grafiteiro desenhava seus corações e a tal frase. Dessa forma fica até mais bonito o seu lema com o qual concordo plenamente. E quero deixar claro que essa é uma crítica pacífica.






13 comentários :

  1. Não concordo com a pichação, mas a mensagem é tudo que as pessoas precisam ouvir hoje em dia...

    Abraços.

    ResponderExcluir
  2. Esse apelo é tudo que precisamos ouvir hoje, mas a pichação é reprovável, o que temos é a opção do grafite. Quem sabe a moda pega.
    ;)

    ResponderExcluir
  3. Se toda pichação fosse assim seria bom, né? Bjs

    ResponderExcluir
  4. Grafite, pichação... diferenças conceituais e estéticas. Um ser mais aceito que o outro evidencia nossa visão proselitista sobre o que é arte. Ambos são manifestaçoes humanas que rompem com a racionalidade, sendo expressoes de rebeldia, com a diferença de estarem em lugares publicos e ao acesso de todos.

    ResponderExcluir
  5. eu concordo ... fica mt feio a cidade toda pichada

    ResponderExcluir
  6. sinceramente, eu acho incrível o que ele faz. pode-se afirmar que, muros pichados são extramente um desastre pra a sociedade. mas o o que o Ygor faz, é realemnte uma arte. na minha opinião, ele está dando mais vida para cidade e passando uma mensagem muito linda, que por sinal, ajuda. o mundo hoje em dia está repleto de violência, e pra mim o Ygor está de parabéns . e eu acho errado o fato de confudirem o trabalho dele, com pichação . e concerteza essa mensagem, traz uma melhoria para cidade, até porque,pior aparentemente não tem como ficar .

    ResponderExcluir
  7. Oi,
    Não acho errado confundirem o trabalho do Ygor com pichação. Acho que ele, como falei na postagem, é um artista sim e passa uma mensagem linda com seu trabalho. Mas ele mesmo tem que saber direcionar o trabalho, valorizá-lo. Procurar fazer sua arte em muros particulares de casas de quem o contrate ou o convide. Muros públicos, telefones... não são lugares pra isso. Sem autorização com toda certeza vira pichação. Não é porque tem algo de bom que justifique fazer da forma errada, né? Por isso só concordo com você em parte.
    Um abraço,
    Talita.

    ResponderExcluir
  8. MAIS AMOR POR FAVOR ... frase que hoje nao se imprega apenas nos muros da capital paulistana, vi e vejo o trabalho que Ygor faz representa bem mais é algo pra se imagianr concordo com o que o "grafiteiro" faz pois tbm tenho minha forma de protesto com meus stikes's colados por ai passando uma mensagem de "positeve vibration" algo simples mais com um valor gigantesco pra si pensar.. grafite nao é pichaçao

    ResponderExcluir
  9. Oi, Farney,

    Para atingir um objetivo bom, apenas meios corretos e legais podem ser utilizados. Não se pode justificar um ato feio com palavras bonitas. O grafite do Ygor realmente é bonito e vale reconhecimento, mas desde que não seja feito em locais públicos e não autorizados. Dessa forma o grafite dele é pichação sim. Se se quer protestar ou passar algo de bom pra alguém, não faça de forma que ofenderá ou deixará alguém chateado. Faça da forma correta.

    Talita.

    ResponderExcluir
  10. O trabalho do Ygor é incrível. Se ele transmitisse sua mensagem apenas em lugares que fosse convidado, não poderia ser chamado de protesto. Não acho justo ser taxado de pichação quando, mesmo se feito em locais não autorizados, causam uma reação positiva nas pessoas.
    Podem até acusá-lo de estar sujando a cidade, mas cá entre nós, São Paulo não pode ficar pior. Se vai ficar "suja", que fique, mas com mais amor.

    ResponderExcluir
  11. Lixo, "artista" de 5º

    ResponderExcluir
  12. Pichação é horrível, além do que incentiva os mal intencionados.

    ResponderExcluir
  13. Se ele quiser pode passar em casa, deixo meu muro à disposição com alegria.

    ResponderExcluir

"As redes de pescar palavras são feitas de palavras." Otávio Paz.