As cidades invisíveis - de Italo Calvino: LIVRO

by - 10.1.10


Esse livrinho é tão fino e tão cheio de conteúdo! Tem coisas mágicas, tem coisas lógicas, tem coisas reais, tem lições importantes. E é tudo dito em historinhas individuais, outras interligadas. é como se contasse sentimentos através de descrições de viagens a várias cidades que fez. Se elas existem de verdade como descritas ou só na mente do autor fica a pergunta porque pra mim não há resposta, já que a intenção é ler a sombra das palavras. É uma leitura interessante apenas a quem se compromete a ler com profundidade. Não basta absorver as palavras e entender seu significado. Tanto que a primeira vez que li não gostei. E das seguintes adorei! Por isso não há um gosto e sim experiências. Essa é a que posso passar hoje pra vocês.


You May Also Like

5 comentários

  1. Adorei seu blog, com posts inteligentes e belas imagens.Espero sua visita e se quiseres me seguir, ficarei feliz e te seguirei também.

    http://amigadamoda.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Ítalo Calvino é maravilhoso! Leia Palomar, é espetacular.
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Hehehe ... obrigada, tá Evelise?

    Quanto mais escrevo na correria, mais deixo passar os errinhos.

    Beijos,
    Talita.

    Oi, Lívia...
    Obrigada pela dica. Conheço o título de Ítalo Calvino, mas nunca o li. Parece que Palomar é o nome do senhor personagem principal, né?

    Kinha,
    Obrigada pelas palavras. Adoro esse meu cantinho aqui.

    Beijos,
    Talita.

    ResponderExcluir
  4. Oh Talita, já que você não se ofende, aproveita e embalo e corrige lá no post do filme Anjos e Demônios a palavra Helicóptero. Seu teclado deve ter mascado o H Comigo também acontece isso. Tem dia que sai cada coisa.... essa correria ainda vai nos levar à loucura!
    Eu gosto quando me alertam para coisas que escrevo errado. É mais uma maneira de aprendermos e gravarmos né?
    Abraço

    ResponderExcluir

"As redes de pescar palavras são feitas de palavras." Otávio Paz.