Por aqui hoje

16.3.10 Talita Cavalcante 1 Comentários

Perdi a postagem de ontem e seus recadinhos. Mas tudo bem... tô aqui ouvindo música pelo fone dividindo com minha pequena. Adivinhem música de que? Ou de quem? Barbie, Barbie, Barbie! Acho que formamos um clubinho ou algo do tipo aqui em casa... Sofia já sabe dizer decorado frases diversas dos filmes da personagem... Depois da Barbie e as 3 mosqueteiras, eu, meu marido e ela fazemos todos os dias o movimento das mãos de "um por todos e todos por um"... Depois de Barbie e as 12 princesas bailarinas, todo dia temos passos de balé aqui em casa e ninguém... eu disse NINGUÉM... fica de fora... E por aí vai... Isso é ser pais!
Hoje tivemos um ótimo dia de feriado (municipal). Meu marido em casa, filminho bom... o primeiro em blu-ray que assistimos e valeu demais pra ficar registrado... falarei dele no final de semana porque é bacana mesmo e a escolha está feita, apesar de já ter outros bons na lista, esse os superou.
Então estou aqui escrevendo e ouvindo música da Barbie enquanto espero meu marido terminar uma ligação. Acho que nunca antes escrevi tão descritivamente assim, mas é bom de vez em quando dar uma de tempo real sem metáforas. Queria mesmo agora poder estar em bate papo real com vocês, já que tem hora que apenas palavras escritas não nos completam a curiosidade, mas outra vez... tudo bem! Nesse filme ouvi algo de interessante, sobre o qual podemos dissertar um monte, e vou dizer porque quem já assistiu sacará o nome: "Não existe vida não escrita, existe vida mal escrita". Vamos escrever bem a nossa??? Amanhã tem post bom, viu gente?

Um comentário :

  1. Li seu blog e me vi...minha pequena tem 4 anos...desde que aprendeu a ouvir musica só consigo ouvir,Barbie,Xuxa,Eliana e afins.
    Elas são cheias de casos pra contar não e?Barbie as 12 bailarinas eu ja não aguento mais,e as tres mosqueteira?????ja nem sei cantar mais...A polegarzinha ja arranhou.Eu,marido e pequenina......não e que somos todas iguais...mães babonas.
    Deusa
    vasinhos coloridos

    ResponderExcluir

"As redes de pescar palavras são feitas de palavras." Otávio Paz.