Repelente infantil e repelente adulto: o calor chegou e com ele mais mosquitos

by - 30.11.10

Desde que minha filha nasceu, me preocupo bastante quanto a mosquitos. Só que até a criança completar 6 meses, nenhum repelente é indicado. O primeiro da foto acima é para crianças a partir de 6 meses e mesmo assim devemos evitar passá-lo nas mãos dos pequenos, pois repelente é repelente e tem suas toxinas. Criança leva a mão ao rosto o tempo todo. O segundo repelente já é para crianças maiores que entendem você dizer que aquilo faz mal se levado à boca ou nariz. E apesar desses pequenos cuidados que devemos tomar, repelente é essencial em um país de terceiro mundo como o nosso em que várias doenças ainda são transmitidas por mosquitos (especialmente a dengue). 

E cuidar de nós papais também é essencial. Há várias versões de repelente para adultos.

Fora os repelentes, temos que cuidar do nosso entorno, nossas plantas, nossas calhas, nossas pscinas... Nada de usar repelente e atrair e cultivar mosquitos porque não faz sentido algum, né?




You May Also Like

6 comentários

  1. Olá, quanto tempo!

    Olha, tb tô começando a usar repelente no meu filhote... tô usando um da Turma da Mônica, indicado, tb, para bebês acima de 6 meses.

    Vc tem razão, não podemos dar mole pois mosquitos transmitem MUITAS doenças.

    Abraços, e gostei da dica do da Jonhsons, vou testar!

    ResponderExcluir
  2. Adorei as dicas, eu já gosto muito do repelex e agora tenho novas sugestoes....valeu!

    ResponderExcluir
  3. Amiga,
    To usando repelente da Turma da Monica na minha fofinha. Nunca esquecendo que repelente pe veneno e não deve ser usado durante o sono do bebe.
    Beijos no coração.
    Madri

    ResponderExcluir
  4. Evitar a proliferação da dengue depende de cada um de nós. Além de cuidar da sua casa, falar com seus vizinhos, manter contato com sua prefeitura sobre focos da doença, você pode utilizar esse espaço para conscientização.
    Seja parceiro do Ministério da Saúde na mobilização contra o mosquito da Dengue. Divulgue em seu blog nosso material. Entre em contato com comunicacao@saude.gov.br e solicite o selo, participe da campanha.
    Saiba mais: http://bit.ly/bMMVKT

    ResponderExcluir
  5. Olá, olha sempre mantenho os mosquitos longes de meus filhos, qdo a C minha mais velha era bebê moramos em uma cidade repleta de perne(i)longos. Uma amiga indicou que fizesse um creme na farmácia homeopática e deu suuupeeer certo, usamos em nós também, na minha vó, na família toda. Lá vai a receita: Creme de Citronella à 4%. Tomara que vcs gostem, bjs.

    ResponderExcluir
  6. Oi, gente,
    Adorei os recados e contribuição de cada uma. Estou atrasada com as respostas, mas achei super útil o que me deixaram aqui e claro que tenho que dar atenção ao comentário do Ministério da Saúde, já que não lembrei na postagem, mas nesses tempos de dengue e que poucos movimentam-se para acabar com as águas empoçadas, por menores que sejam elas, preciso nos lembrar disso... a dengue é uma vergonha pro Brasil, nos põe em perigo e nos taxa de país cada vez mais de terceiro mundo nessas questões, avanço nuns campos, atraso em outros.

    Beijos,
    Talita.

    ResponderExcluir

"As redes de pescar palavras são feitas de palavras." Otávio Paz.