'Ostra feliz não faz pérola' de Rubem Alves - LIVRO

26.11.11 dona perfeitinha 9 Comentários

Eu tenho um problema a ser resolvido. Na verdade à data de hoje que você me lê, eu tinha. Depois de lamuriar pelos cantos e a todos sobre esse tal problema e que hoje sei foi por medo de resolvê-lo, simplesmente me decidi: esse problema não quero mais. Está resolvido e muito provavelmente contarei sobre ele por aqui algum dia, pois a partir de sua solução, minha vida vai mudar um pouquinho e com isso um projeto bonito que me exigirá bastante trabalho, mas muitas realizações, virá junto. Sobre as lamúrias, porém, ainda acho que tenho muito que aprender, pois são um problema à parte, sem dúvida. Elas me fragilizam e não as quero nunca mais.

Sobre lamúrias e sobre problema, Rubem Alves bem definiu em seu lindo, encantador livro devo dizer (que belas pinceladas de leitura ele nos oferece!), 'Ostra feliz não faz pérola':

"Problema
Quando se tem um problema a ser resolvido tem-se um problema a ser resolvido. Quando ao problema a ser resolvido se acrescentam lamúrias e lamentações, tem-se dois..."




E o livro nos presenteia com pinceladas de pequenos casos, pequenos pensamentos, pequenas conclusões sobre mil e uma coisas dentro de váris assuntos como saúde mental, amor, educação, natureza, religião, beleza e também crianças, entre outros.


Obrigada Rubem Alves, por essas pinceladas de emoções que resolveu colocar no papel. Boa leitura.

9 comentários :

  1. Amo seu blog e venho constantemente assim que vejo suas atualizações... hoje irei testar a sua dica para tirar manchas amarelas nas camisas do marido(axilas)causada por desodorante depois te conto se deu certo para as minhas tá...Quanto aos problemas eu sempre sofri, sempre fiquei a me lamentar o meu maior exemplo que posso te dar era que eu não sabia dirigir e nisso eu me limitava muito para tudo tinha até uma autoestima péssima depois que me descobri capaz nunca mais me senti diferente das pessoas , e nisso muitas outras coisas foram se resolvendo coisas internas que me deixava em conflito com a minha mente, fui lá e venci hoje dirijo lindamente , sem medo até de cachorro que eu tinha pavor, entrar na piscina e mergulhar, lugares apertados , enfim hoje superei muitos dos meus problemas internos e os externos esse são sem limites , brinco que sou outra Danielle depois que aprendi a dirigir e vencer este obstáculos, mas tb descobri que resolvemos um problema e vem outros e outros...então o segredo está em não parar nunca...bjs e continuo sempre a fazer posts maravilhosos e inspiradores adoro seu blog
    beijos Dani

    ResponderExcluir
  2. Oi lindinha! Passando para conhecer seu cantinho e já estou te levando comigo para não perder nenhuma novidade e te convido para conhecer o meu.
    Estou retornando para a blogsfera e fazendo um trabalho de formiguinha, aos pouquinhos vou conhecendo mais pessoas e fazendo novas amizades. Quanto aos medos o importante é não deixar que eles nos dominem, pois todos temos e na medida certa nos protegem ano que vem vou ter que enfrentar o meu de andar de avião,estou orando e com muita fé que vou superar.
    Bjs,e um lindo final de semana.
    http://detudoumpouco-a.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Talita
    Eu li este livro de Rubens Alves e resolvi escrever pra ele atraves da editora.
    voce não calcula a beleza da carta que me escreveu.
    Eu quase morri de alegria!
    Uma hora eu mostro pois não sei aonde a coloquei
    com carinho e amizade Monica

    ResponderExcluir
  4. Tenho muitos livros do Rubem Alves, mas este aí é bem especial! Como dói deixar formar uma pérola, mas é uma questão de sobrevivência! A pérola só é linda por conta do sofrimento da ostra para formá-la não é mesmo? Acabei de chegar da apresentaçao de piano de Maria Eduarda e uma criança tocou "Ode à alegria" e eu me lembrei exatamente de Rubem Alves, pois ele questiona como alguém pode fazer uma aclamaçao à beleza sendo surdo e estando no final de sua vida? É assim a vida minha amiga, é assim a vida de quem pensa demais como nós e de quem quer fazer sempre o melhor! Vamos lá, vamos produzir as nossa pérolas e suportarmos a dôr! Vamos produzir a nossa "beleza"! Avante Talita!

    ResponderExcluir
  5. Oi talita, sua sugestao de leitura é muito boa, iniciar a semana com uma leitura.
    Xerü

    ResponderExcluir
  6. @Amélia Calórica
    Oi, Dani,
    Que bom! Adorei saber disso tudo. Também tenho minhas conquistas das quais me orgulho muito. A gente se torna outra pessoa mesmo. Segurança nos faz mais mulheres. Beijos e que bom que gosta daqui

    ResponderExcluir
  7. @Carla
    Carla,
    Torço que vença seu medo. Este também tenho, mas enfrento com pensamentos positivos, você vai se dar bem. Orar faz bem também, muito bem. Beijos.

    ResponderExcluir
  8. @Brígida
    Oi, Brígida,
    Suportando as dores e produzindo nossas pérolaa, vamos avante sim e melhor se dividindo nossas histórias. Também achei especial esse livro, muito!

    ResponderExcluir
  9. @Mônica
    Posta sim, Moniquinha! Que lindas devem mesmo ter sido as palavras de resposta dele. Mas fiquei curiosa também por saber das suas. Beijos.

    ResponderExcluir

"As redes de pescar palavras são feitas de palavras." Otávio Paz.
Se precisar, entre em contato conosco através do email: talita@donaperfeitinha.com