Preparando os seios para a amamentação

9.4.12 dona perfeitinha 10 Comentários

  À todas as gravidinhas de plantão, venho lembrar de alguns cuidados que tive na minha primeira gestação e que foram importantíssimas para uma experiência de amamentação super tranquila da minha filha e que agora estou repetindo, esperando que com meu pequeno que chegará em menos de 4 meses, a experiência seja tão boa quanto. Nossos filhos e nós mesmas merecemos esse contato lindo que a amamentação proporciona, além, claro, de ser o alimento mais natural e nutritivo para eles em seus primeiros meses.

Quando grávida pela primeira vez, ao ouvir que era importante preparar os seios para a amamentação, estranhei, afinal, a natureza já não se encarrega disso?

Bem, a natureza da mãe se encarrega disso sim, mas como os hábitos de vida hoje são bem diferentes de quando o ser humano passou a existir, alguns cuidados com as mamas durante a gravidez, vão ajudar a prepará-las para um 'trabalho pesado', digamos assim, sem sofrimento.

Tem gente que diz que toda amamentação é sofrida e isso posso dizer que é bem uma mentira, rs, afinal, amamentei minha filha por 10 meses sem nenhum ferimento nos bicos dos seios e sem dor. Espero que a experiência se repita com meu pequeno.

CUIDADOS DURANTE A GRAVIDEZ (para preparar os seios para não sofrerem com a amamentação):


1 - Deixar de passar sabonetes e hidratantes na região da áureola e bicos dos seios: Isso é necessário porque a pele não pode ser super hidratada (a hidratação natural dá conta do recado). Precisamos que a pele se torne mais espessa, fortalecendo os bicos para o batente da amamentação.

2 - Esfregar, ao tomar banho, uma bucha vegetal ou material áspero nos bicos dos seios: 
Acho essa dica sensacional. Ao contrário do que pensamos, a bucha não vai ferir os bicos e sim engrossá-los, fortalecendo-os para as mamadas. Eu já estou há algum tempo fazendo isso e devo dizer que dia após dia, percebo a pele mais firme e já nem sinto a bucha vegetal. Quando amamentamos com o bico sem preparo é muito mais provável algum tipo de ferimento, pois as mamadas causam uma fricção regular nos bicos dos seios que, se fortalecidos, aguentarão batente até para gêmeos.


3 - Pegar de 10 a 15 minutos de sol sobre os bicos dos seios todos os dias: 

O sol, também ajudará no processo de fortalecimento dos bicos, tornando-os menos sucetíveis a rachaduras na pele durante a amamentação. Isso deve ser iniciado durante a gravidez e continuar durante o período de amamentação. Fiz isso na primeira gestação e já estou repetindo nessa minha segunda (o problema é achar um cantinho da casa em que o sol entre e não fiquemos 'expostas', à janela, rs). Caso seja mais difícil pegar sol, aproximar uma lâmpada acesa dos bicos dos seios também é uma opção que substitui bem.

4 - Durante a gravidez, imaginar-se amamentando, carregando seu filho no colo, com todo carinho e tranquilidade ao redor: Nesse caso, não estamos preparando os seios, mas preparando nosso psicológico para esse ato de amor, de total doação. Acho que isso foi importantíssimo pra mim na minha primeira gravidez, o que acredito ter contribuído e muito para a experiência maravilhosa de amamentação da minha filha. Espero conseguir o mesmo com meu pequeno que está para nascer, mas, sinceramente, também precisamos nos preparar para caso algum fator interfira na impossibilidade de amamentarmos. Não devemos carregar culpa ou nos sentir menos mãe por isso, afinal, a natureza sabe melhor que a gente o que faz. Mas que o preparo psicológico é importante, sem dúvida alguma que o é. E, eu, que já passei por isso uma vez e espero passar de novo com tanta satisfação quanto, tenho que deixar registrado: amamentar é maravilhoso e é fácil imaginar-se nesse ato de amor.

10 comentários :

  1. Que legal vc postar sobre esse assunto. Na minha primeira gravidez tomei alguns cuidados, mas mesmo assim um seio feriu bastante que sangrou. Passei b pantol por alguns dias, mas mesmo assim continuei amamentando nesse seio (somente algumas mamadas) e retirando com as mãos para não secar. Quando já não estava mais ferido pude usa-lo normalmente. Doeu, muito, muito, muito. Quando meu filho puxava o leite eu sentia puxando do meu ventre até o colo. Mordia os lábios de dor. Mas achava tão lindo e tão importante a amamentação que não cogitei em nenhum momento deixar de amamentar. Pois bem, com isso amamentei ele até 2 anos (exagerada né rs). Na minha segunda gravidez começou a ferir, mas passei uma pomadinha que o meu obstetra recomendou (nem precisou muito, usei somente a amostra que ele havia me dado, pena que não lembro o nome). Infelizmente minha pequenina não mamava o suficiente e com 5 meses tive que introduzir o leite em pó e ai ela rejeitou meu peito. Meu intuito era amamentar ela até os 2 anos também, mas fazer o que né, n deu. Mas graças a Deus ela é bem fortinha e quase não adoece (apesar de até hoje quase nao comer - isso me deixa muito nervosa e preocupada, mas o pediatra já disse que ela tem o crescimento normal, que ela vai comer quando tiver fome). Então essa foi a minha experiencia e faria tudo de novo para poder amamentar. Bjokas

    ResponderExcluir
  2. Excelente blog! Só a título de curiosidade há um agregador de conteúdos chamado Agrega Pais, que é voltado para família, uma ótima forma de divulgar seu blog para este público bem específico.
    http://agregapais.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Excelente as dicas!!!
    Estou na minha primeira gestação e me preocupo muito com essa questão da amamentação!!

    Vou seguir as dicas e depois conto como foi!!!
    Bjoss

    ResponderExcluir
  4. Noossa!
    Mto interessante!!

    Pretendo ser mãe daqui há alguns anos e não fazia ideia deste preparo ou até mesmo q amamentar podia se transformar tbm em sofrimento.

    Obrigada por salvar a nossa pele! literalmente!
    xoxo!
    Ka

    ResponderExcluir
  5. @VIVIANE DELANI
    Oi, Viviane,
    Que bom ler sobre suas duas experiências e que bom que deixou nos comentários para que as mamães de primeira viagem entendam melhor pelo que se pode passar. Realmente nada é igual em gestações diferentes, né? Mas até que acho que amamentou um bom tempo sua filha também... 5 meses, muito bom sim. Agora 2 anos seu filho... isso sim é determinação, parabéns. Beijos e obrigada pelo comentário,
    Talita.

    ResponderExcluir
  6. @Renata
    Oi, Renata,
    Obrigada pela dica. Vou me inteirar melhor. Beijos!

    ResponderExcluir
  7. @Tuga
    Oi, Tuga,
    Nos ajuda demais a evitar ferimentos na amamentação, vai gostar. E uma linda gestação pra você!
    Beijos,
    Talita.

    ResponderExcluir
  8. @Anônimo
    Oi, Ka...
    São tantas as experiências e aprendizados que vale mesmo ir se inteirando pra um planejamento de se tornar uma mamãe sem tantas dúvidas.
    Beijos pra você,
    Talita.

    ResponderExcluir
  9. Oi, Talita.
    Parabéns pelo blog, e principalmente por estar se preparando para a amamentação, buscando informações e compartilhando conosco. Meu filho tem 2 anos e 7 meses e eu ainda amamento ele. É realmente maravilhoso!
    Li a sua postagem sobre o preparo dos seios na gravidez para a amamentação. Essa recomendação de esfregar bucha no peito é ultrapassada, até perigosa... Quando estimulamos os mamilos produzimos um hormônio chamado ocitocina. Esse hormônio age também no útero, levando a contrações uterinas. E aí está o perigo, essas contrações podem levar a um aborto, a um parto prematuro. Nenhum tipo de estímulo aos mamilos deve ser feito na gravidez.
    Tem uns sites bem legais com informações sobre como se preparar para a amamentação, deixo aqui a dica:
    http://www.fiocruz.br/redeblh/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?sid=384
    http://www.amigasdopeito.org.br/?p=392
    http://www.amigasdopeito.org.br/?p=389
    Bjs, Clarissa

    ResponderExcluir
  10. Oi querida,
    achei o maximo vc falar sobre os cuidados com o peito pra amamentar, eu sou fono e sempre dei essas dicas pras maes que participavam do meu grupo de futuras mamaes...e dá cerim ne??? Pelo menos todas que foram disciplinadas elogiaram, outra cois que vc nao comentou é pedir ao parceiro pra sugar com força.
    Adorro seu blog
    bjus
    irleyse
    maniademozao

    ResponderExcluir

"As redes de pescar palavras são feitas de palavras." Otávio Paz.
Se precisar, entre em contato conosco através do email: talita@donaperfeitinha.com