Prato bonito é exercitar o olhar e uma expressão de carinho: como montar um belo prato?

19.9.14 dona perfeitinha 0 Comentários


Eu sei que estou devendo pra muitos leitores a receita desse arroz de limão (que aprendi com a Karine, prima do meu marido), mas, desculpem-me, porque, de novo, não vai ser hoje, rs. E esse molho madeira sob o tornedor de filé da foto? Esse também algum dia desses tenho que dedurar a receita no blog. Digo 'dedurar' porque é receita que meu marido faz e que ele aprendeu com um amigo expert na cozinha,  o Bernardo. É feito demoradamente com redução que leva vinho madeira Izidro R.

Enfim... a ideia era lhe dar água na boca mesmo, motivando seu apetite pelo olhar. Porque o 'olhar' é algo que deve ser atraído e, atraído, atiçar sua fome, seu consumo, sua vontade de fazer algo.

Eu sei que no dia a dia e, como gostam de frisar alguns, na vida de verdade, as coisas acontecem de forma corrida, com umas pitadas de preocupações e estresse e que, sendo assim, tem gente que acha uma bobagem gastar tempo pra montar um prato bonito pro esposo ou pra mulher na hora do jantar... pros filhos então! Mas eu acho que praticar o conceito do prato bonito é algo muito possível (e rápido) e benéfico pro dia a dia de todo mundo. A mulher que já tem que fazer o jantar mesmo, no lugar de criticar o ato do prato bonito, como sendo mais um 'estorvo', deveria pensar em como fazer um prato bonito vai valorizar todo o trabalho que teve. Pensamentos positivos fazem com que sejamos mais felizes no dia a dia. Claro que por vezes é divertido e bem vinda a informalidade. Cada um se servir à sua maneira de comida boa feita com carinho é tudo de bom e todos esses momentos reais são muito bem vindos no nosso dia a dia. Mas em momentos específicos, como o de 'já que vou ter que esquentar o mexidão pras crianças no microondas, por que não esquentá-lo em forminhas com formatos divertidos?' Eles vão amar. Todo mundo ama um prato bonito, carinho e sorriso, não é? A vida fica mais leve quando aceitamos conceitos que só fazem agradar. Praticar o amor é praticar atos bonitos.
E se o olhar é um primeiro teste para comidas gostosas, essas tem obrigação de virem bonitas para quem vai comer. Tudo fica mais gostoso assim e hoje vou te mostrar como é fácil fazer, inventar um prato bonito. Tudo que você precisa é boa vontade e um tempinho extra antes de colocar a comida na mesa.

Além de comer com mais apetite, um prato feito bonito é uma forma de comermos apenas o que foi servido, deixando de repetir (apesar do costume) e aos poucos, emagrecendo. Como o melhor, permita-se de tudo, mas crie um limite. Você vai viciar em pratos bonitos em lugar de pratos exageradamente cheios e feios:

Então! O que temos pro jantar?

Temos um arroz de limão:

Temos um filé grelhado:

Temos um molho madeira:

E pra montar os pratos de forma bonita... do que precisamos?

Precisamos dos pratos em mãos:
 

Precisamos também de ingredientes extras, e para eles, deixe a criatividade falar mais alto. Aqui temos geleia de pimenta que super combina com carne vermelha e temos um ramequim, essa peça de louça branca abaixo. Pra que servem?

O ramequim é uma fôrma de suflê (leva o nome de um prato francês famoso feito nessas mini fôrmas refratárias) e queremos ele aqui apenas para dar forma ao arroz. Você pode usar xícaras de diversos formatos ou qualquer vasilhame com volume e formato interessante para compôr o prato. No fundo você pode incrementar com qualquer ingrediente se quiser tornar o topo mais bonito, ex: lâminas de amêndoas, queijo parmesão, etc. Ou simplesmente sem topo, apenas um único conteúdo:




 Outras ideias também são muito bem vindas... aqui meu marido faz cortes na vertical em um palmito:

Agora temos um palmito bem posicionado, um arroz emoldurado no ramequim, uma geleia de pimenta estrategicamente colocada entre o arroz e o molho madeira...

Para enfim a grande atração do prato, coroá-lo lindamente:

Que tal o prato? Essas montagens, por vezes, parecem a prática de artes comtemporâneas... Deixe seu paladar mais aguçado, capriche nos pratos quando estiver servindo amigos e familiares. Faça isso no seu dia a dia e verá que até o sabor da comida é aguçado. Faz bem pros olhos e pra alma! Invente formas próprias, deixe sua marca. Saladas podem ser servidas em taças, cultive a frase 'por que não?' e verá que vai criar lindas composições!

Espero que tenha gostado da dica!
E deixo outros pratinhos publicados no meu Instagram pra nos inspirar:



 


E a gente se vê e se lê por aqui e...
... nas redes sociais:






0 comentários :

"As redes de pescar palavras são feitas de palavras." Otávio Paz.
Se precisar, entre em contato conosco através do email: talita@donaperfeitinha.com