Receita de GENGIBRE em conserva! O famoso GARI da culinária japonesa

by - 17.2.17


Não sei se sabem, mas no meu perfil do Instagram (@talitadonaperfeitinha), tenho uma "#" chamada #receitadonaperfeitinha. Por lá já existem quase 100 receitas publicadas e uma das que fazem muito sucesso é a receita do GARI que eu sempre tenho na minha geladeira.

Meus amigos e leitores estão me pedindo pela publicação da receita por aqui também.

E é isso que vim fazer hoje...



INGREDIENTES: Gengibre novo, vinagre de álcool transparente, açúcar e sal (opicional).
USAMOS: Mandolim para o corte fino do gengibre e panela. A peneira é necessária se for feito o procedimento tradicional da receita com o sal.

O GARI é delicioso, não acha? E já repararou que nunca vem o suficiente na comida japonesa que a gente pede por telefone? Apesar de ser fantástica a combinação de sashimi + GARI, eu adoro usar o gengibre em conserva em diversas outras receitas, desde sanduíches e saladas à assados e cozidos, rs. 

O segredo de um bom Gari é o próprio gengibre que tem que estar novinho, com casca fininha. A casca assim pode ser eliminada apenas raspando-a com a faca.

Adoro incrementar lanches e pratos mais elaborados com o gengibre em conserva!


MODO DE FAZER O GARI:

Depois de raspar a casca do gengibre, o lavamos e fatiamos bem fino (pra fazer isso, um mandolim - ralador especial - ajuda demais). Para as quantidades abaixo, cozinharemos aproximadamente três a quatro xícaras do medidor padrão de gengibre fatiado fino.

Quanto mais fino o Gari, mais saboroso.  

Depois lavamos o gengibre em peneiras e salpicamos sal por cima. Nesse processo devemos deixá-lo descansar por uma hora. Isso serve para desidratar o gengibre. E, depois, é preciso lavá-lo novamente para retirar o sal.

Devo confessar que já pulo essa etapa de desidratação do gengibre e que depois de fatiá-lo, apenas lavo e levo direto para a panela como na foto acima.

Já com o gengibre (desidratado ou não) na panela, acrescento 2 xícaras de vinagre de arroz e 2 xícaras de açúcar ou o proporcional disso, ou seja, partes iguais dos dois ingredientes até que todo o gengibre esteja coberto. 

Deixamos ferver por 20 minutos e colocamos em vidros com tampa.

É preciso conservar na geladeira para que dure bastante. Chego a ficar com o meu mais de três meses na geladeira sem nenhum tipo de problema, mantendo sempre o gengibre coberto pela conserva do vinagre. 

Na hora de servir, escorrer o gengibre do caldo é mais interessante, mas na maioria dos pratos e aperitivos em que eu o uso, faço uso direto do vidro e fica fantástico!

Espero que tenha gostado dessa receita!


Foto do passo a passo (fonte: Instagram do Dona Perfeitinha)

A gente se vê e se lê por aqui...

You May Also Like

0 comentários

"As redes de pescar palavras são feitas de palavras." Otávio Paz.