Um dó ou uma dó? Como falar e escrever?

23.2.17 Talita Cavalcante 5 Comentários


Essa palavrinha, dó, é um sentimento de solidariedade com a dor, com a dificuldade ou o sofrimento de alguém.

Sentimos dó em diversos momentos das nossas vidas e, por mais que sentir dó não ajude ninguém, sentimos e nos expressamos a esse respeito.

E, ao falarmos desse sentimento, temos de nos preocuparmos em falarmos corretamente.


Mesmo entre pessoas de muitas leituras e estudos com quem convivo, ouço muito o uso errado dessa palavrinha, o que, portanto, vale a postagem, já que é um equívoco bobo, já disseminado, mas que pode ser facilmente corrigido.
Como você fala?

"Eu sinto um enorme daquela criança."

ou

"Eu sinto uma enorme daquela criança."


A forma em itálico é a correta, pois a palavra 'dó' é um substantivo masculino.


Então, se formos falar do nosso sentimento de dó, lembremo-nos disso!


Outros exemplos com uso correto:

"Não tenho nenhum dó de quem perde oportunidades por falta de esforços."

"Tenho um grande dó de crianças que apanham de seus pais."


Exceção:

Não há exceção. Mas, há, porém, a palavra Dó, que apesar de também ser um substantivo masculino (Obrigada, Taís!), dá nome a uma 'nota musical' (feminino). Nesse caso, podemos construir frases referindo-nos à nota Dó, omitindo a expressão 'nota musical'. Ex: A (nota musical) Dó pode ser grave ou aguda. O mesmo acontece quando nos referimos a uma cidade de nome masculino, mas usamos o artigo feminino referindo-nos à cidade, mesmo que omitamos tal substantivo na frase. Ex: Minha bisavó conheceu bem a São Paulo dos anos 50.


A gente se lê e se vê por aqui...


5 comentários :

  1. Pois é, Talita, poucos sabem a forma correta de escrever essa palavra. Me dá um dó de quem não sabe! Hehehe...

    Beijos e sucesso!!!

    ResponderExcluir
  2. Talita, concordo que quando dizemos "a dó" podemos compreender que estamos nos referindo à nota musical. Porém, "Dó" na acepção de "nota musical" é substantivo masculino. Abraços

    ResponderExcluir
  3. @Thaís Bitencourt É mesmo, Thaís, muito obrigada!!!! Devo corrigir a forma que escrevi, porém deixando a exceção no sentido de ao nos referirmos à nota dó, omitindo a palavra 'nota musical'. Como fazemos quando dissemos, por exemplo, 'na nossa Belo Horizonte', omitindo a palavra 'cidade'. Obrigada e beijos!

    ResponderExcluir

"As redes de pescar palavras são feitas de palavras." Otávio Paz.